Tendências para 2017 em Comércio Eletrônico

by leonardo. Aug 25, 2016 16:49.

tendências para 2017 em comércio eletrônico | gaunte - marketing digital

Tal como acontece com todos os setores, as tendências mudam, tornando-se necessário aprender e seguir adiante, a fim de manter o seu negócio relevante. À medida que o ano de 2016 caminha para o seu fim, é essencial para olhar para trás, e fazer a pergunta: como está indo o meu negócio? e o que aguarda o futuro? inevitavelmente quem não se faz essa pergunta não consegue estabelecer um plano para o inesperado à frente.

Avaliar o seu sistema de comércio eletrônico como um todo é uma escolha sábia, repensar produtos, serviços, preços, ofertas, processo de venda, formas de pagamento, plataformas, logística… são muitas as variáveis. Continue lendo para juntos entendermos sobre as principais tendências de comércio eletrônico para 2017 e além…

1. Ficar de fora dos multi-canais pode prejudicar (ou mesmo quebrar) o seu negócio.

Como consumidor, quase sempre que você encontra um produto desejado online, as chances são de que você também possa achá-lo no Amazon, a isso damos o nome de venda multi-canal, uma vez que a quantidade de vendas diminui nos sites de vendas regulares (loja oficial do produto) e aumenta por meio de um sistema multi-comerciante.

A razão pela qual tantos consumidores fazem isso, é o fato deles poderem encontrar uma grande variedade de itens em um mesmo pedido, realizar a transação com uma loja única e da mesma forma pagar um frete único. Muitos vendedores de comércio eletrônico conhecem os benefícios de vender através de canais multi-comerciante, mas a necessidade é cada vez maior. Empresas estão começando a ter sérios problemas por não listarem seus produtos em marketplaces como Amazon, Etsy ou Envato.

2. Plataformas de venda nas Mídias sociais ou “Social Commerce”

No passado, mídias sociais eram entendidas como meios para se conectar com clientes e levá-los a curtir ou comentar o seu conteúdo. Uma regra seguida por muitas empresas para gerar aquele zumbido sempre que um novo produto era lançado.

Agora a paisagem do “social commerce” está mudando, considerando que muitas das redes sociais abriram seus sistemas de venda. Por exemplo, Pinterest e Twitter anunciaram recentemente botões usados para postar e vender produtos diretamente através das redes sociais. O mesmo vale para o Facebook. Plataformas como Shopify e Bigcommerce ja oferecem facebook de venda embutido no site.

3. A volta do popup como ferramenta de re-marketing

Por muitos anos o popup foi o vilão da web, afinal, como não odiá-lo? Bem, ele está retornando aos poucos. No entanto, existem algumas diferenças em relação aos anúncios popup irritantes que estamos habituados.

Em primeiro lugar, os novos popups são geralmente ofertas, promoções e oferecem algo em troca do seu e-mail. Ao fechar o novo popup, o mesmo não exibido novamente por um longo tempo, acabando com a sensação de insistência de tempos antigos. Essa ferramenta pode fazer maravilhas para estratégias de e-mail marketing e manter o seu negócio conectado com seus clientes preferenciais.

Empresas estão começando a ter sérios problemas por não listarem seus produtos em marketplaces como Amazon, Etsy ou Envato.

4. Abuse das imagens e vídeos para impressionar

Essa tendência começou em 2015, progrediu em 2016 e vai continuar em 2017, muitos designers de comércio eletrônico fizeram e fazem uso de espaçosas imagens e vídeos, aqueles que ocupam a tela inteira.

Estudos mostram que belas introduções de um produto ou serviço rapidamente explicam o propósito do site. Podemos e devemos oferecer vídeos explicativos sempre que necessário e esses recursos são fundamentais para o fechamento das vendas diárias.

5. Força de vendas online em alta

No passado, equipes de suporte ficavam no aguardo do cliente enviar uma pergunta. A grande mudança está no fato de que mais e mais empresas reposicionaram os profissionais suporte online para atuar mais proativamente, fazendo pré-venda e pós-venda de forma ativa. Essas empresas atuam por meio de popups, chat e outras ferramentas para tirar dúvidas e eventualmente convencer os clientes a comprar. O resultado é que profissionais de venda e suporte se aproximam cada vez mais de desempenhar uma função única.

6. Site móvel não é mais opção, é questão de sobrevivência

Os números do comércio eletrônico em celulares estão se movendo para cima a cada trimestre. Se você não modificou o seu site de comércio eletrônico para torná-lo móvel amigável, você está correndo contra o tempo para se manter competitiva.

7. Programas de fidelidade continuam a crescer

Fidelização online não tem visto o crescimento como outras tendências de marketing, mas dependendo do seu ramo esse recurso pode ser crucial para o sucesso. Bancos oferecem todo suporte para implementação de cartões de crédito com bandeira própria e cartões de presente (gift cards). E nada impede a sua empresa de implementar sistemas de compre x e ganhe y.

8. Mais inteligência nas promoções relâmpago

Groupon ainda está firme e forte, mas o maior sucesso das vendas relâmpago (flash sales) estão em sites de comércio eletrônico que geralmente não tem como característica esse tipo de venda. A inteligência está em fazer essas vendas relâmpago para os seus clientes regulares. Digamos que você tenha 1.000 pessoas navegando em seu site em um determinado momento (sim, é possível saber isso se você têm uma plataforma de vendas decente), isso é uma oportunidade perfeita de fazer uma promoção relâmpago por meio de um popup, ou no checkout da venda.

9. Análise em tempo real

Relatórios de tráfego, vendas, bounce rate, conversão não podem mais ser avaliados mensalmente, com a chegada de 2017 estamos vendo relatórios ainda mais avançados em todos oferecem opção de análise em tempo real, então porque não tirar alguns minutos diários para fazer isso?

O artigo acima é uma visão genérica do mercado de comércio eletrônico, implementá-las pode poupar algum dinheiro ou alavancar o seu negócio.

2017-07-07Gaunte - Marketing DigitalGaunte - Marketing Digitalhttps://www.instagram.com/gauntewebhttps://www.facebook.com/gauntewebhttps://twitter.com/gauntewebhttps://plus.google.com/+gauntewebhttps://flipboard.com/@leowebguy/marketing-digital-uit17mblyhttps://gaunte.com/images/gaunte-logo-b1.png25284+55-71-4042-0012contato@gaunte.comsaleshttps://gaunte.com/images/blog/tendencias-para-2017-em-comercio-eletronico.jpg19201080
Gaunte - Marketing Digitalhttps://www.instagram.com/gauntewebhttps://www.facebook.com/gauntewebhttps://twitter.com/gauntewebhttps://plus.google.com/+gauntewebhttps://flipboard.com/@leowebguy/marketing-digital-uit17mblyhttps://gaunte.com/images/gaunte-logo-b1.png25284+55-71-4042-0012contato@gaunte.comsalesGaunte - Marketing DigitalGaunte é uma Agência de Marketing Digital Moderna. Websites, Lojas Virtuais (eCommerce), Otimização para Busca Google (SEO), Mídias Sociais, Identidade Visual e mais.HomeBlogTendências para 2017 em Comércio Eletrônico

Gostou desse artigo?
Inscreva-se em nossa Newsletter.

Eu concordo em receber boletins mensais da Gaunte.com, podendo cancelar a inscrição a qualquer momento.

2. whatsapp

whats.me/gaunteweb

3. form online

gaunte.com/contato

d. contato

Quer saber mais? Entre em contato, nós cuidamos do resto.

Ao entrar em contato conosco você não estará assumindo nenhum compromisso.
artigos artigos
fechar

artigos recentes

contato gaunte contato

d. contato

Quer saber mais? Entre em contato, nós cuidamos do resto.

whatsapp call whatsapp